Paulo Laureano lança Dolium Reserva Tinto 2012

Após 12 meses em barrica e um ano e meio em garrafa, chega finalmente ao mercado o Dolium Reserva Tinto 2012 do enólogo Paulo Laureano.

Desenhado com base na casta Trincadeira e com pequenos complementos de Alicante Bouschet e Aragonez, o vinho segue o mesmo perfil de vinificação de todos os que o antecederam.

A fermentação é feita em lagares e o estágio é posteriormente realizado em barricadas novas de carvalho francês de 300 litros.

“O perfil aromático do Dolium Tinto 2012 revela o carácter especializado da Trincadeira, que faz lembrar pimentão vermelho maduro. Muita fruta negra madura, alguma menta e o tabaco e o chocolate do carvalho francês são outras características deste vinho, tudo integrado de forma fina e elegante. Na boca mostra igualmente aquilo que distingue os Dolium: frescura, elegância, um longo final e uma extraordinária capacidade de envelhecimento, bem patente em todas as outras colheitas anteriores”, explica o enólogo Paulo Laureano.

Dolium Reserva Tinto é a marca mais antiga da Paulo Laureano Vinus. De certa forma, o percurso do Dolium reflecte o percurso da empresa ao longo dos seus 16 anos de vida.

Lançado pela primeira vez em 1999, o vinho tinha então origem na Vinea Marias, dentro da sub-região Évora, da DOC Alentejo.

Desenhado com base nas castas Aragonez e Cabernet Sauvignon, mantém este perfil até 2003, ano em que começa a transição da empresa, com a expansão da área de produção para a Vidigueira e o assumir das castas portuguesas como ponto de sustentabilidade e da filosofia do desenho dos vinhos.

Nas colheitas de 2004 e 2005, a Trincadeira passa a assumir o papel do Cabernet Sauvignon, mas rapidamente mostra que poderia e deveria ser a casta principal.

A partir de 2006, a marca Dolium passa a integrar o conjunto das edições especiais produzidas pela Paulo Laureano Vinus e só é lançado no mercado quando a qualidade é de facto extraordinária.

As colheitas de 2007, 2009 e agora 2012 têm já origem nos terrenos de xistos, das vinhas mais velhas da Vidigueira e a Trincadeira passa a assumir o papel principal neste vinho, com percentagens sempre a rondar os 80%.

O Dolium 2012 chega ao mercado nacional, nos habituais distribuidores da marca, com o PVP de €19,50.