‘Porca de Murça Tinto’ brilha nos EUA com tripla distinção da Wine Spectator

‘Porca de Murça’: a marca de vinhos da Real Companhia Velha, líder de vendas de DOC Douro com mais de 3 milhões de garrafas, é cada vez mais valiosa nos Estados Unidos da América!

O mais recente marco foi para o ‘Porca de Murça Tinto 2013’ – um vinho que chega ao consumidor americano por menos de dez dólares e em Portugal custa cerca de €3,00 –, ao qual a prestigiada revista norte-americana Wine Spectator atribuiu 90 pontos.

Uma performance que lhe valeu o selo de Best Value e a eleição de Wine of the Week, divulgada na newsletter Sips & Tips.

Para Pedro Silva Reis, Presidente da Real Companhia Velha “este triplo reconhecimento tem particular relevo porque, na análise que foi feita, verifica-se que no universo de ‘Vinhos até 10 dólares’ o nosso foi o único europeu a conseguir este feito nos últimos seis meses.

Com igual destaque teve apenas outro vinho, um do novo Mundo, produzido na Austrália. Para Portugal é extremamente importante o facto de a Wine Spectator continuar a por em evidência os vinhos do Douro, não só ao nível de vinhos de topo – com três do Douro no top 5 mundial –, mas também dos vinhos mais comerciais e de maior volume, como é o caso do ‘Porca de Murça'”.

Os vinhos portugueses – e consequentemente o nosso país – estão claramente a assumir um papel de destaque nos Estados Unidos. A confirmação vem pelas “mãos” da prestigiada revista norte-americana Wine Spectator, mas não só: outras são as publicações que o fazem e, acima, de tudo o consumidor.